Monday, 16 January 2006

Será?



Um desvio pelo Carrefour de Oeiras permitiu-me meter no cesto de compras A Sombra do Vento, de Carlos Ruiz Zafón, a par de cremes de Camembert e Rotolinis de queijo. É daqueles livros sobre livros, ao estilo do meu querido Arturo Pérez-Reverte, em que um simples volume muda a vida de alguém.


E acontece que é daqueles que não apetece deixar de ler. Porque, parece que, mesmo que feche o livro, a acção vai continuar a decorrer e eu não estou lá para ver, vou perder o que vai acontecer ao herói. E isso eu não quero. Ai, nunca mais é logo à noite!

5 comments:

just me said...

Livros desses é que valem a pena!!!!!
Estou tentada a ir buscá-lo!!!!

innocent bystander said...

força...
ah, no carrefour é mais barato que na fnac, tal como muitos outros livros.

Rita said...

Já li. É muito bom. O Cemitério dos Livros Desaparecidos é uma ideia genial. É lindo.

Navegante da Rua said...

Confesso que me aguçaste a curiosidade. Se é ao estilo de Reverte há-de ser bom concerteza.

E já que falamos no Arturo, já leste o Território Comanche? Muito bom!!!

Bj

innocent bystander said...

é ao estilo, é, assim naquela onda do Clube Dumas. Por acaso acho que só me falta o Território Comanche e outro. O Arturo vai lançar livro novo!