Wednesday, 31 May 2006

Valeu a pena



(Tool, Super Bock Super Rock, foto rjloureiro, daqui)


Valeu a pena ter pago mais 30 euros de portagem a vir do algarve;
Valeu a pena a espera de 18 dias (que ansiedade, catano);
Valeu a pena a enxaqueca do dia seguinte;
Valeu a pena ter levado com mosquitos assim que entrámos no belo recinto do SBSR ao lado do trancão;
Valeu a pena ter esperado mais alguns minutos porque o programa da microsoft não deixava os ecrãs arrancarem;
Valeu a pena estar sentada durante os Deftones (e Placebo?) a comer um pão com chouriço para absorver a cerveja;
Valeu a pena ter sido provocada por ele e depois ter provocado outros para irmos;
Valeu a pena a companhia: primeiro quatro, depois seis, depois cinco, vá;
Valeram a pena os Alice in Chains mesmo assim;
Valeu a pena porque ouvi todas as músicas que queria: Stinkfist, Schism, The Pot, Vicarious, Sober e todas as outras, com um som perfeito se fechasse os olhos um bocadinho;

Ah, acabaram-se as férias. Isso é que já não valia muito a pena...

Friday, 26 May 2006

Bem-vindo


mas a camisola agora é outra...

Friday, 12 May 2006

Até ao meu regresso


Apesar do ar rosado e saudável, este blog vai a banhos, tal como eu. Tem de ser. E só regressa em Junho, a tempo de aviar uma granda campeonato do Mundo.

Assim, a minha conversa de chacha só volta dia 1. Enquanto isso, é passar os olhos pelas moradas ali da barra lateral.

Beijos

Faltam 15 dias!*



Tool - Schism
(o primeiro minuto deve ser passado à frente)

* (também tou a contar, Pim)

Sunday, 7 May 2006

Músicas para fazer bebés

O Sócrates parece que quer lixar a malta que não tem filhos, né? eu cá não quero que falte nada a ninguém. Por isso é que, quem puder e quiser começar a pensar nisso, deixo aqui uma lista de cinco (vá seis. Não, sete) músicas para fazer bebés - mas nada daquelas tralhas de lighthouse family, ou não sei quê, só coisas tesas - ideia que surgiu a ouvir o novo dos Pearl Jam. Umas são queridinhas, outras nada disso, mas todas a gritar quarto. Não?

- Parachutes, Pearl Jam (a culpada)

- Vicarious, Tool (segundo o Pim, até dá pra fazer gémeos)
- Innertia Creeps, Massive Attack
- Whole lotta love, Led Zepellin
- tema principal de Missão Impossível (não é piada ao acto, claro)
- Judith, A Perfect Circle (porque tinha mesmo de entrar)

- White Rabbit, Jefferson Airplane

Thursday, 4 May 2006

Série: miúdas giras

Eva Longoria (eu sei, dispensava apresentação)

Murraça brutal

(foto do site oficial, Kevin Leas)

you're such an inspiration for ways that i will never ever choose to be (Judith)

Estava eu na Fnac tentando arranjar maneiras onde gastar dinheiro e sem ter de me esforçar muito - Pearl Jam estava na calha, ainda me ficaram na mão Sigur Ros (sim, pá, vou tentar), Soundgarden (mais uma cassete que sofre um upgrade com o Badmotorfinger), Depeche Mode e A Perfect Circle, quando andava à procura de Tool, que entretanto já toca. Encontrei o Mer de Noms, primeiro álbum dos Circle, a 10 euros. Não ouvia aquelas músicas desde 2000. Ainda na faculdade, ainda numa troca desenfreada de sons com colegas, ainda memórias do Napster e de ouvir o
3 Libras no trabalho às sete da manhã. Agora só toca isto no carro, entre o Judith e o 3 Libras, Tool, brutal, só no trabalho (perante o single, Vicarious, só apetece atirar os pés ao ar). É som brutal, que dá murros no estômago, que dá vontade de rebolar no chão, de sair a correr a dar beijos na boca a quem passa, de partir tudo à volta a sorrir e a gritar.

PS: Vale a pena ir ao site, nem que seja para ouvir a versão do Imagine do Lennon.

Mais tempo

A conselho de um amigo do caraças, comprei o calhamaço que está aqui ao lado, que contém os mil e um discos que eu tenho e vocês têm de ouvir antes de morrer. Uma especie de enciclopédia do bom gosto, com escolhas e críticas de jornalistas, nomeadamente, da Rolling Stone. Notei com um misto de espanto e orgulho que tenho 50 deles (sobretudo anos 90 e 2000) e já ouvi cerca de 70.

Só há uma conclusão possível: não posso morrer já, ainda me falta comprar e ouvir muito disco. Pra cima de 900.

Tuesday, 2 May 2006

Ah pois é!

Já cá cantaaaaaaaaaaaaaaaaaa e toca que se farta;
Assim de repente: World Wide Suicide; Parachutes (linda, Stone!!!); Gone, Come Back e Inside Job (brutal)

Podem vir. rápido.