Saturday, 25 February 2006

Talão de cinema

Gosto de acumular papéis, de guardar lixo (dizes tu, mami), assumo. Tudo aquilo um dia poderá ter utilidade, até passarem uns anos e ir tudo fora. Duas das coisas que mais gosto são agendas e bilhetes de cinema. As primeiras porque até são giras (aquelas com reproduções de quadros da Taschen, boa?) e de vez em quando é engraçado folheá-las. Os segundos costumam estar guardados dentro delas, colados na semana em que lá fui.

Acontece que dantes os bilhetes de cinema era giros, até vir a Lusomundo e estragar tudo. Esta semana, confesso, fui a duas salas desses senhores, nas Amoreiras e no Oeiras Parque. Nessas salas da pipoca, o ingresso para o escuro não passa de um talão de máquina, impessoal, passageiro. Feio, em suma. Apetece-me dizer «isto não é bilhete nenhum, é só um bocado de papel que diz que eu lhe dei cinco euros - 4.5o às segundas-feiras - para entrar ali». Já nem apetece colar aquilo na agenda. Vejam lá isso.

Vai-se salvando o sítio onde gosto mais de ir, o Monumental, onde os bilhetes, esguios, ainda me dão mais vontade de entrar.

11 comments:

Jorge said...

O que mais atrai no Monumental é a proibição de comer nas salas...

innocent bystander said...

também eu, nem me importo nada com o barulho do metro

O Acordeonista said...

Olha, as Twin Towers estão para o cinema como o dinheiro está para a minha carteira. 3,75 às segundas. É a limpar o rabinho a meninos...

innocent bystander said...

e o bilhete, como é que é o bilhete?

O Acordeonista said...

Brinca com o da Warner. É à antiga. Até tem número de contribuinte. Mas ei-lo.

Senador said...

Tou com o Acordeonista: As salas das Twin Towers são boas, pouca gente e o parque para quem vai ao cinema é de graça... vale a pena lá ir.

just me said...

É como os bilhetes dos concertos! Até à uns anos exibia orgulhosa, num albúm, os bilhetes de todos os concertos a que tinha ido. Hoje em dia não têm ponta por onde se pegue!!!!

bonifaceo said...

IB, estou contigo com os bilhetes, tanto a guardar, como pela decepção pelos bilhetes usados pela Lusomundo. Eu gosto de guardar os bilhetes na gaveta e depois recordar que fui ver aquele filme e lembrar-me com quem fui ver ao abrir a gaveta e ver os bilhetes.

cat said...

Pior mesmo é só receber a porcaria de um (UM!!) talão manhoso mesmo quando somos dez!

innocent bystander said...

senador e acordeonista: apesar de não me ficar em caminho, hei-de ver isso.

just me: ainda vou guardando, pelo menos os do pavilhao atlantico...

boni: é isso mesmo.

cat: tens razão! outro dia comprei dois e só veio um talão, sim!

bonifaceo said...

Também já reparei nisso, e por falar nisso tenho que avisar a minha prima para não por os bilhetes de Segunda fora, porque ela é que os guardou e já da outra vez pôs um talão fora... :S