Monday, 13 April 2009

Na estação

Há uma feira do livro na estação do Rossio, é coisa recorrente, que se saúda. Porém, o cartaz diz que está aberta das 10 Ás 21 horas. Chato.

Ainda nesta temática, hoje esqueci-me de trazer uma coisa para ler no comboio, assim fui só a olhar. Reparei na placa dos lugares sentados e de pé da minha carruagem. Então é: sentados 78, em pé 96.

Quem é o senhor que calcula quantos lugares de pé há? É que não são 90, nem 100, nem sequer 95. São 96. Meu senhor, se estiver a ler isto e for essa a sua profissão, conte-nos.
.

7 comments:

Lunatic on the grass said...

e se for uma carruagem de gordos?

cat said...

Ora bem: eu imagino que não haja grande ciência - divide-se a área livre medida em planta por um valor que traduz o espaço ocupado por uma pessoa em pé (obviamente que esse espaço deverá permitir que a dita respire e consiga mexer os bracinhos e as perninhas). Geralmente esse valor está estipulado em normas ou regulamentos ou o raio duma coisa qq desse género que eu n conheço nem quero conhecer. Se der um valor tipo 96,34567788, bom, arredonda-se para baixo que diz q n dá mto jeito partir pessoas aos bocadinhos...
e não, não sou o senhor que faz esse insano trabalho! ;)

Neuza said...

Lol, pergunta pertinente que me passou pela cabeça em todas as santas viagens que fiz de comboio. O senhor calculador de lugares deve ter uma capacidade de visualização fantástica, é o que é.

I. said...

Tenho p'ra mim que viam os programas do Júlio Isidro, contaram quantos cabiam num mini, fizeram contas de cabeça de quantos minis cabiam numa carruagem e multiplicaram. Simples.

A feira do livro é patética, não é? Pucanina e tudo amontoado. Nem dá vontade de lá entrar, e só faltam dois meses para a outra.

bonifaceo said...

Então mulher?! Também se avariou o teu pc? :p

innocent bystander said...

I: o que durou aquela feira! acabei por comprar os livrinhos das maravilhas do mundo, inda não sei bem porque.

Boni: cá estamos!

jg said...

Não se pode ter um pingo de criatividade?!
Também fica a liberdade de pensar que numa travagem forçada o 6 deslizou para a frente do 9 e o número se tenha alterado para 96!

Assina, o senhor que calcula.